Tag Archive | "downcycling"

bottle-slice_03

Tags: , , ,

Recycling, Downcycling e Upcycling

Postado em 17 fevereiro 2011 por Elisa Quartim

A Reciclagem (recycling) na sua definição mais exata, é a recuperação de um material ou produto para que possa ser reutilizado em um outro produto sem perder as suas características técnicas. O material é recuperado e se torna matéria prima para o mesmo produto do qual era feito originalmente.

Um exemplo é a garrafa de vidro, que pode ser derretida, e virar outra garrafa novamente. No caso dos plásticos, com a resina PET, ele pode ser reciclada em outra garrafa plástica ou algo de mesmo valor. Isso também acontece com as latas de alumínio.

Porém muitos materiais não podem ser reutilizados para se fabricar o produto original, por perderem suas propriedades técnicas.

Downcycling

Downcycling é o processo de recuperação de um material para reuso em um produto com menor valor, ou seja, a integridade do material é de certa forma comprometida com o processo de recuperação.

Algumas resinas plásticas, como a PEAD, usadas como matéria-prima de embalagens primárias, de leite, iogurte e sucos não podem ser verdadeiramente recicladas. O resultado de sua recuperação não pode ser usada novamente como embalagens de produtos alimentícios. Inclusive está na legislação da Anvisa. Estas resinas são transformadas em coisas como mesas, cadeiras, lixeiras e requerem tratamento extra em termos de energia e dos produtos químicos que compõem as resinas.

Outro exemplo de material que não pode ser reciclado e sim downcycled é o papel. O papel para escrita de boa qualidade não pode ser reciclado em papel do mesmo tipo, com as mesmas características, ele é então downcycled em papéis para fotocópia, papel cartão e papel higiênico.

Upcycling

Upcycling é um processo de recuperação que converte os resíduos muitas vezes desperdiçados em novos materiais ou produtos com melhor qualidade e valor ambiental.

Um exemplo bem conhecido é a utilização de lona de caminhões usadas na fabricação de roupas, bolsas, chapéus, bonés e outros artigos com alto valor agregado. Ou o uso de resíduos para o artesanato ou design de novos produtos.

Reciclar ou não reciclar?

A palavra reciclagem acaba sendo usada em todos esses processos, até mesmo para poder simplificar para um leigo, mas na hora da escolha do material para a fabricação da embalagem, ou mesmo no nosso dia a dia, no nosso consumo, é importante entender essas diferenças e usá-las como critério de escolha.

É importante lembrar que a reciclagem pode requerer muita energia em seu processo produzindo artigos com menor valor ambiental. E não podemos justificar o consumo exagerado de produtos só porque as embalagens são “recicláveis”.

Pense sempre nos “3Rs” na seguinte ordem: reduzir, reusar e reciclar.

Comentários (2)

saco_aluminio

Tags: , , , ,

Embalagem metalizada, mais uma dica

Postado em 29 junho 2009 por Elisa Quartim

saco_aluminio

Mais uma forma de reaproveitar a embalagem metalizada, que não é de difícil reciclagem. Guarde ela e use para conservar alimentos frescos. A embalagem conserva por semanas o alimento.

É muito simples, basta reutilizar os sacos com interior de alumínio que compramos no supermercado com diversos alimentos (batatas fritas, puré, etc…). Coloque frutas ou vegetais no interior desses sacos. Porém não feche o saco, deixe-o aberto.

Mais uma dica para um material que ainda não foi encontrada uma solução.

Fonte: http://vivoverde.com.br/

Comentários (0)

Bijou_metal

Tags: , , , , ,

O que fazer com as embalagens metalizadas?

Postado em 28 maio 2009 por Elisa Quartim

As embalagens metalizadas são usadas para salgadinhos, café, biscoito e sopa. Até existe a tecnologia para reciclar, mas poucos conseguem. Então o que fazer com ela?

Já foi desenvolvido um novo material metalizado biodegradável, que ainda não existe no Brasil.

A organização mexicana Barcel do Grupo BIMBO será a primeira empresa no mundo a usar embalagens metalizadas biodegradáveis para seus salgadinhos. Essas embalagens tem previsão de se desintegrar em um período máximo de 3 a 5 anos. Ela tem um aditivo que degrada o material assim que sua vida útil é completada. Essa tecnologia foi criada pela ingleza Synphony Plastics. Elas foram projetadas com o objetivo de conservar sua frescura, sabor e características da mesma forma que as tradicionais.

A previsão para a entrada dessa embalagem será no final de 2010.

Fonte: http://www.envapack.com/envases_empaques1324.html

Takis

Como os salgadinhos americanos Fisher’s Chefs Natural Baking Nuts, que estão usando embalagens de com o material feito de fontes renováveis, conforme o press release deles. A substituição do filme metalizado foi feita sem sacrificar a barreira contra ar. Além disso, a empresa está fazendo esforços de reduzir a energia gasta na produção do produto e continua pesquisando novos materiais para reduzir o lixo.

http://www.fishernuts.com

Fonte: http://www.environmentalleader.com/2009/05/01/fisher-ditches-mylar-for-sustainable-packaging/

Fisher Ditches

Nos EUA os salgadinhos Frito-Lay, anunciou uma nova parceria com a TerraCycle que já escrevi aqui no blog. Eles vão adquirir as embalagens e delas produzir produtos como sacolas com seus salgadinhos, evitando que vire lixo. Através desse programa conjunto, os consumidores e grupos de comunidades locais podem vender suas embalagens usadas para a TerraCycle e ganhar dinheiro eassim evitar que elas vão para os aterros.

Fonte: http://popsop.com/26450

fritola_bags

E, por fim, um passo a passo de como fazer fios com BOPP metalizado. Que pode ser usado para fabricação de bolsas e bijuterias.

http://www.esnips.com/doc/65b58c7a-548e-4c77-ad0f-eb4ce8669fd8/Reciclagem—Fio-feito-de-embalagem-de-salgadinhos

Bijou_metal

Comentários (8)

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também