Na categoria | Redução

Tags |

Halls repensa o seu ciclo de vida

Postado em 29 julho 2011 por Elisa Quartim

Halls foi o produto escolhido pela Kraft Foods a participar do Projeto Sustentabilidade de Ponta a Ponta do Walmart. Ao repensar o ciclo de vida do Halls, a Kraft Foods melhorou o processo de produção e reduziu materiais de embalagem e descartes industriais.

As mudanças nas embalagens alcançaram toda a linha Halls (Base e Creamy). No display, que serve para acondicionar o produto e deixá-lo exposto no balcão de vendas, houve a redução tanto na gramatura da caixa (de 1,96 Kg/ton de produto), como de 0,52 Kg/ton de produto na gramatura e na espessura do filme de BOPP que envolve e protege o display. Embora pequeno individualmente, considerando o volume de vendas, a quantidade total de materiais reduzidos na produção das caixas foi muito grande, gerando economia de matéria-prima, água e energia. Foram feitas mudanças também na embalagem de transporte: as caixas de papelão utilizadas para enviar os displays foram eliminadas e esses produtos passaram a ser transportados diretamente em paletes – o que também reduz a utilização de recursos naturais e peso no transporte.
Outra alteração importante no processo produtivo está relacionada à substituição do óleo antiaderente para o produto não “grudar” na esteira, por uma mistura de óleo de soja e cera de abelha, reduzindo o consumo de óleo de soja em 90%, mas mantendo a eficiência do antiaderente anterior. Essa iniciativa, ao lado da economia gerada em função da produção do antiaderente, contribuiu também para a redução em transporte e dos fatores a ele associados. Os gases refrigerantes, utilizados nos escritórios e no processo produtivo para refrigeração, passaram a ser recuperados e reutilizados, contribuindo para a diminuição do efeito estufa.
Outras iniciativas pontuais foram agregadas ao processo:

  • A sobra dos drops que ocorrerem durante o processo produtivo, passaram a ser matéria-prima para compor a fabricação de ração animal.
  • Com uma nova programação de troca de sabores nas linhas de processo, foi reduzido o impacto de efluentes gerados em função da limpeza de equipamentos, possibilitando assim reduzir a geração de lodo no processo de tratamento de efluentes.

Dez pessoas da Kraft Foods foram envolvidas diretamente no projeto, além de integrantes da cadeia de fornecedores de matéria-prima que tiveram participação ativa no processo.

SUSTENTABILIDADE NA MEDIDA


O produto resultante do Projeto Sustentabilidade de Ponta a Ponta tem a mesma apresentação do produto atual, entretanto foram realizadas alterações no processo produtivo, de maneira a aperfeiçoar o uso de recursos e a reduzir as emissões para a água e o ar e a geração de resíduos sólidos, além da redução do uso de materiais de embalagem. Considerando a projeção de vendas anuais para o Walmart (em toneladas), os ganhos obtidos com as melhorias foram:

  • redução da emissão de 6643 kg de CO2eq
  • redução da geração de 11.669 kg de resíduos sólidos
  • redução de 1947 kg de material de embalagem
  • redução de 3520 kg de insumos
  • redução de 244 L de água

Fonte:

http://www.walmartsustentabilidade.com.br/sustentabilidade-pontaaponta-2011/

Deixe uma resposta

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também