Na categoria | Redução

Tags |

Danoninho repensa o seu ciclo de vida

Postado em 27 julho 2011 por Elisa Quartim

 

O grupo Danone escolheu para participar do Projeto Sustentabilidade de Ponta a Ponta o Danoninho Morango 360g, a primeira marca da empresa que desenvolveu o conceito de sustentabilidade no Brasil. Com quase 40 anos de vida no mercado, a marca é dedicada às crianças e tem carregado a bandeira da nutrição infantil. O Danoninho tem cerca de 50% de participação no mercado de petit suisse no Brasil (share valor, Nielsen 2010).
Repensando o ciclo de vida do Danoninho, a empresa abordou vários aspectos, da produção do leite à embalagem final. Na produção do leite, que representa cerca de 98% da matéria-prima, a Danone aplicou algumas ferramentas com o objetivo de mensurar e potencializar as melhorias promovidas pelo programa Danleite: a Dan Print que analisa o ciclo de vida do produto, e a Milk Tool, com a colaboração dos produtores de leite, que identificou onde se poderia reduzir o CO2. Um dos aspectos de redução do CO2 é no mínimo inesperado: com a adoção de um novo tipo de nutrição, as vacas passaram a produzir mais leite, uma eficiência resulta na diminuição proporcional da emissão de metano – gás produzido no estômago e expelido pela boca do animal.
No contexto de repensar o ciclo de vida, o processo produtivo também se beneficiou da modificação das células de resfriamento, com a readequação do layout e dos fluxos de ar, o que tornou o processo mais eficiente, contribuindo para a redução do consumo de energia e, consequentemente, da emissão de CO2.
A Danone repensou também a embalagem do produto. Pouco antes do início do projeto, a empresa havia adotado a tecnologia FOAM – que expande a chapa plástica utilizada na embalagem, tornando-a aerada, reduzindo o peso da embalagem e a quantidade de matéria-prima plástica – nas embalagens do produto Activia. O Danoninho passou a utilizar este tipo de embalagem, o que resultou em uma diminuição de 9,4% na massa do pote, e a Danone transferiu essa tecnologia – inédita no país – para um fornecedor brasileiro.
Paralelamente ao Projeto Sustentabilidade de Ponta a Ponta, a empresa lançou mais uma iniciativa de sustentabilidade: o “Danoninho para plantar”, uma embalagem que traz sementes para plantio, proporcionando de forma lúdica e divertida, uma experiência simples de educação ambiental para as crianças.
O projeto envolveu muitas pessoas, no campo, no desenvolvimento da embalagem e no processo industrial, com o apoio de compras, do trade e do marketing. Além dos produtores de leite, a Danone obteve a parceria do Sebrae na aplicação do programa DanLeite – parceiros altamente motivados em busca de um produto mais sustentável. Desta maneira, a Danone, por meio de Danoninho, reforça não só a importância da nutrição, como também promove a conscientização em relação ao meio ambiente.

SUSTENTABILIDADE NA MEDIDA


Este projeto teve como base melhorias no processo produtivo, com destaque para redução no consumo de energia, bem como a redução da massa da embalagem e da geração de resíduos de embalagem no pós-consumo. Os ganhos ambientais alcançados pelo projeto para a estimativa de venda anual na rede Walmart foram:

  • redução de 943 kg de embalagem primária
  • redução de 3280 kWh no consumo de energia (elétrica e térmica)
  • redução de 635,5 kg CO2 equivalente devido ao menor consumo de energia
  • redução de 184,5 L de óleo combustível

 

Fonte:

http://www.walmartsustentabilidade.com.br/sustentabilidade-pontaaponta-2011/

Deixe uma resposta

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também