Dica Sustentável – Design para Desmontagem

Postado em 27 outubro 2010 por Elisa Quartim

O chamado Design para Desmontagem ou DfD (Design for Disassembly) é condição necessária para que os produtos possam ser economicamente recicláveis. Quando a desmontagem da embalagem não é considerada no início do projeto, pode até inviabilizar a sua reciclagem, apesar de os materiais serem tecnicamente recicláveis.

O Design para Desmontagem influencia de forma decisiva a reciclagem e facilita a desmontagem, tornando possível a reutilização e a remanufatura de forma mais eficiente, prolongando a vida útil dos produtos ou de seus componentes.

A dificuldade em desmontar uma embalagem pode inviabilizar a reciclagem por não prever o alto custo de mão-de-obra. Por ganharem pela venda de quantidade de materiais, o custo do tempo para desmontar uma embalagem pode inviabilizar a sua reciclagem.

Uma das causas para esse problema são embalagens produzidas com multimateriais, onde individualmente são recicláveis, mas por serem difíceis de separa acabam não sendo descartados.

Vejam um exemplo comum de uma embalagem multimaterial:

Cada parte da embalagem é uma material diferente. O lacre, por exemplo, além de ser de uma material diferente do frasco, por ser pequeno, ele se perde no caminho para a reciclagem e acaba indo para o lixo comum. O rótulo, pode até ter sido feito de papel, mas muito provavelmente ele não será reciclado por causa do adesivo usado.

Por isso é necessário que cada vez mais se reduza a quantidade de materiais usados na embalagem, desde que não prejudique o produto, para facilitar a desmontagem. Se não for possível a redução de materiais que pelo menos eles sejam fáceis de desmontar.

Vejam um exemplo de embalagem que reduziu a quantidade de materiais conforme a sua evolução:

O Design para Desmontagem maximiza as fontes de reciclagem e minimiza a potencialidade de poluição de produtos.

Algumas dicas para o Design para Desmontagem de embalagens.

  • Selecionar materiais tendo em consideração os impactos futuros e que tenham um alto valor para a reutilização e reciclagem.
  • Projetar conexões que sejam acessíveis visualmente, fisicamente e ergonomicamente aumentando a proteção e segurança dos trabalhadores da reciclagem.
  • Minimizar ou eliminar as ligações químicas como por exemplo as colas.
  • Dar preferência para conexões mecânicas
  • Dar preferência à separação mecânica ao invés da elétrica e hidráulica diminuindo etapas de produção, podendo as peças serem facilmente separadas nas cooperativas de reciclagem.
  • Considerar os equipamentos mecânicos padrões que são utilizados na reciclagem, ou a falta deles.
  • Ser simples na estrutura e forma facilitando a sua construção e desmontagem.
  • Intercambiar materiais e sistemas que apresentam princípios de modularidade, independência e normalização facilitando a reutilização.
  • Seguro na desmontagem permitindo a segurança dos trabalhadores envolvidos reduzindo riscos.
  • Documentar e testar formas possíveis de desmontagem.

Fonte:

DfD Design for Disassembly in the built environment: a guide to closed-loop design and building em pdf

0 Comente este post

1 Trackbacks For This Post

  1. Tweets that mention Dica Sustentável – Design para Desmontagem | Embalagem Sustentável -- Topsy.com fala:

    [...] This post was mentioned on Twitter by EmbalagemSustentavel, Paola de Azevedo, Ana Cássia, Guia da Embalagem, Missão Eco and others. Missão Eco said: Dica Sustentável – Design para Desmontagem: http://bit.ly/akcYqj via @addthis [...]

Deixe uma resposta

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também