Archive | julho, 2010

Bento-3

Tags:

Bentô – embalagem para viagem

Postado em 30 julho 2010 por Elisa Quartim

O projeto tem a intenção de criar um linha de embalagens to go (para viagem) do Bentô, um novo conceito de restaurante japonês – Seu japa, no seu tempo – que tem um sistema de serviço similar aos dos fast foods.

Voltadas para o público de classe AB, de todas as idades e que tenham o hábito de comprar comida na rua para comer em casa, as embalagens são compostas de uma parte primária, feita de PET (para acondicionamento da comida) e uma secundária, que é feita de corte e vinco em papelão, em dois modelos, para duas ou quatro unidades.

Inspirada no minimalismo japonês, o projeto é funcional, tanto para acondicionamento na loja, quanto para o consumidor final. A linha de embalagens do Bentô é, também, sustentável, pois há aproveitamento total do material utilizado (papelão onda B).

O desafio foi encontrar uma solução que fosse de fácil manuseio e armazenamento perante todos os públicos que tivessem contato com ela (funcionários e consumidor final) e que, ao mesmo tempo, gerasse o mínimo possível de impacto ambiental.

O projeto final cumpriu todos os objetivos propostos. Na loja, as embalagens secundárias são guardadas planificadas e as primárias são armazenadas empilhadas (uma dentro da outra), ocupando o mínimo de espaço possível. As embalagens plásticas, usadas para a comida, são de material reciclável e de fácil manuseio, o que dá mais agilidade ao processo de montagem.

Além disso, mesmo quando montadas, prontas para serem entregues aos clientes, as embalagens são de fácil empilhamento. As mesmas são eficazes também no sentido prático, pois se mantêm firmes e bem estruturadas durante o transporte, não permitindo que o seu interior vaze ou entorne, garantindo a integridade dos alimentos

Fonte:

http://www.tatil.com.br/

http://www.bentojapa.com.br/

Comentários (4)

logo_workshop

Tags:

Instituto de Embalagens realiza Workshop sobre Embalagens e Sustentabilidade

Postado em 29 julho 2010 por Elisa Quartim

Após a realização de uma bem-sucedida edição do workshop “Embalagens & Sustentabilidade” para as agências que atendem o grupo Carrefour, apresentando caminhos, possíveis soluções e alternativas para criação de uma embalagem mais responsável ambientalmente e mais informativa, o Instituto de Embalagens elaborou uma nova versão aberta ao público, que será realizada no dia 26 de agosto.

O workshop trará informações acerca das características de cada material e sua aplicação e do desenvolvimento de embalagens mais sustentáveis, por Assunta Camilo, diretora do Instituto de Embalagens. Outros temas que serão apresentados serão: Análise do Ciclo de Vida das Embalagens, apresentada por Leda Coltro do CETEA; a Cadeia da Reciclagem do Papelcartão, apresentada por Amando Varella, Diretor de Marketing da Papirus; Certificações Ambientais, por Fernando Sandri , gerente de marketing da Ibema; Rotulagem Ambiental e Normas Técnicas, por Cláudio Marcondes, Professor do Instituto de Embalagens.

Como material didático estará incluso o Kit de Referências em Embalagens, desenvolvido pelo Instituto de Embalagens com o apoio de grandes empresas do setor em uma iniciativa pioneira, contendo mais de 70 amostras de materiais, além do Guia de Referências e Glossário.

Mais informações acesse o site www.institutodeembalagens.com.br ou pelo telefone: 11-2854-7770.

Comentários (1)

lipires4

Tags: ,

Ecojóias de Li Pires

Postado em 23 julho 2010 por Elisa Quartim

A designer Liliana Pires faz ecojoias com materiais reaproveitados.

São jóias e acessórios ecológicos, interativos e lúdicos,criados a partir de materiais  reutilizados e utilitários como clips, cds, berço de bombom, cápsulas de Nespresso, VHS, elásticos, cartelas de remédios,espirais de caderno, corpos e tampas de caneta, pets, réguas… Modelos customizados para diversas ocasiões e de acordo com o seu estilo.
Vejam alguns exemplos:
Com caixa de Kinder Ovo e Lacre de latinha
Com bolinha do desodorante roll on.
CD com espiral de caderno.

A diversidade de materiais é grande e muitos são doados por amigos ou clientes.

Além disso as embalagens para presente também são feitas com materiais reaproveitados. Veja alguns exemplos:

Caixa de ovo.

Caixa de fita k7.

Base de garrafa PET.

Vejam mais no site:

http://www.lipires.com/

Comentários (1)

Sustentabilidade_Interno2

Tags:

Workshop Embalagens & Sustentabilidade

Postado em 23 julho 2010 por Elisa Quartim

Mais uma parceria do blog Embalagem Sustentável com o Instituo de Embalagens.

Mais informações no site http://www.institutodeembalagens.com.br

Comentários (0)

1502081267226397

Tags: ,

Embalagem Vice e Versa

Postado em 21 julho 2010 por Elisa Quartim

Vice Versa é um projeto conceitual para uma linha de embalagens/produtos, desenvolvida pelo designer Richard Gray. O objetivo é não desperdiçar nenhuma embalagem onde a embalagem se transforma no produto sem gerar lixo.

Feita a partir de materiais reciclados ou já impressos.

Fonte:

http://www.behance.net/Gallery/Vise-Versa/436587

Comentários (0)

mio1

Tags:

Mio com embalagem com tinta à base de soja

Postado em 19 julho 2010 por Elisa Quartim

A Mio, fabricante de navegadores GPS para carros, anunciou que a partir deste ano, toda a tinta que a empresa utiliza nas embalagens dos produtos será substituída por óleo à base de soja.

Além de ser ambientalmente favorável, a soja absorve CO2 da atmosfera e, durante a reciclagem, causa menos poluição do ar.

Além disso, com o material, aumenta-se a quantidade de papel/papelão que pode ser reciclada e é produzido papel reciclado de melhor qualidade, isso porque as fibras são menos danificadas.

Desde 2007, a empresa taiwanesa já reduziu 41% o tamanho das embalagens dos produtos. Com isso, a Mio economiza aproximadamente seis voos anuais de ida em remessas para a Europa.

Fonte:

http://www.mio.com/

http://atitudesustentavel.uol.com.br/

Comentários (0)

produto_textil

Tags: , , ,

Ecolabel

Postado em 16 julho 2010 por Elisa Quartim

O ECOLABEL é basicamente uma filosofia, um conceito desenvolvido pelo Grupo Q. São soluções para decorar, embalar, identificar e embelezar os seus produtosde forma, levando em conta os impactos ambientais. Tudo com a mais alta tecnologia e ganhos significativos de qualidade.
Dentre os diferenciais do ECOLABEL, foram destacados os itens abaixo:

  1. Produto ecológico, com tinta base d´água e sem metais pesados, que possibilita a reciclagem ou reutilização das peças
  2. Impressão com Qualidade Fotográfica.
  3. Infinidade de cores e cores especiais
  4. Alta cobertura de tinta branca
  5. Opcionais para promoção e segurança: raspadinhas, tinta invisível, códigos variáveis
  6. Preços competitivos em relação à serigrafia
  7. Segurança (tinta invisível / raspadinha / DNA químico)
  8. Dados de segurança fixos ou variáveis

O Ecolabel pode ser utilizados tanto em produtos de linhas industriais, quanto para campanhas promocionais, tais como: lápis, canetas, copos, canecas, potes, frascos, bisnagas, batons, seringas, squeezes, cordões, fitas, elásticos, além de projetos especiais pesonalizados, entre outros.

Muitos segmentos já estão utilizando a tecnologia Ecolabel na decoração de seus produtos, entre eles os mercados: escolar, farmacêuticos, cosméticos, utilidades domésticas, etc.

São quatro opções que proporcionam uma infinidade de soluções para o produto final.

1. Heat Transfer:

Impressão em filme de poliéster, transferida para a peça através de calor, em equipamento compacto específico. Ideal para objetos de superfície plana.

2. Sleeve:

Manga termo-encolhível, que envolve o material e possibilita a decoração de toda a peça, inclusive as que possuem formatos não convencionais. Pode ser utilizada como decoração ou lacre, permitindo a colocação de serrilhas.

3. In Mold Label:


Impressão em um filme próprio, que é posicionado no molde no momento da injeção da peça, permitindo sua fusão com a mesma.

4. Transfer Têxtil:

Para complementar a linha de produtos e ampliar o atendimento ao mercado de decoração, em 2009 a Qualitec, passou a comercializar também opções para a área têxtil, oferecendo papéis-transfer sublimáticos personalizados para decorações em tecidos, fitas, elásticos, gorgurões, entre outras possibilidades.

Fonte:

http://www.ecolabel.com.br/

Comentários (0)

packaging-box-turns-into-trees

Tags: , ,

Embalagem que se transforma em árvores.

Postado em 14 julho 2010 por Elisa Quartim

Paul Stamets, um micologista americano, inventou ‘The Box Life’, uma caixa de embalagem de papelão, impregnado de uma mistura de esporos e sementes que podem ser plantadas para crescer em árvores. Basta rasgar a caixa, planta-la no solo e regar com a água.

Vejam as instruções na caixa feitas com icones.

O Suite Life Box de produtos baseia-se na sinergia de fungos, esporos de plantas e sementes infundidos juntos, dentro de materiais de embalagem que podem ser plantadas. A Árvore da Vida é feita de fibra de papel reciclado. Nesta fibra, são inseridos uma grande variedade de sementes de árvores, polvilhadas com esporos de fungos micorrízicos. Os fungos micorrízicos protegem e cuidam das mudas jovens. Os fungos “brotam” ou germinam para formar uma ligação com as células da raiz que se estende até o solo com uma rede de teia fina de células chamado de micélio. As mães micélio do viveiro de sementes, fornecem água e nutrientes, protegendo assim as árvores em crescimento da doença, seca e fome.
A Life Box pode ser usada em embalagens de vários tipos de produtos, como DVD/CD, caixas de transporte  e caixas de pizza.
Assista abaixo o vídeo do criador Paul Stamets, falando sobre sua invenção:

Fonte:

http://www.lifeboxcompany.com/

http://nutsideias.wordpress.com/

Comentários (2)

site_danoninho

Tags: ,

Danoninho para plantar

Postado em 12 julho 2010 por Elisa Quartim

A Danone lançou uma edição limitada do Danoninho com o objetivo de incentivar a experiência e a educação ecológica das crianças e ainda ajudar no reflorestamento da Mata Atlântica por meio de uma parceria com o Instituto de Pesquisas Ecológicas – IPÊ.

Cada bandeja do novo Danoninho para Plantar traz anexo um sachê com sementes e instruções para plantar no próprio potinho de Danoninho após o consumo do produto. São oito tipos diferentes de sementes entre flores e hortaliças que fazem parte da promoção. A finalidade de Danoninho para Plantar é reforçar a experiência, o aprendizado e a interação com a natureza, que podem ser despertados pelo simples hábito lúdico de cultivar uma semente no potinho.

Além das sementes, o Danoninho para Plantar traz um código exclusivo que permite plantar uma árvore virtual na “Floresta do Dino”, um espaço interativo no portal de Danoninho. Será possível escolher o tipo de árvore entre espécies da Mata Atlântica para plantar e cultivar, regando-a diariamente para que cresça,e ainda aprender mais sobre saúde do planeta através das Ecodicas.

Além de disseminar os conceitos de educação ambiental, Danoninho para Plantar é também uma atitude ecológica, pois oferece às pessoas a oportunidade de colaborar efetivamente para o reflorestamento da Mata Atlântica, já que, cada árvore cultivada na Floresta do Dino, representa 1 m2 de área reflorestada por meio de uma parceria entre Danone e o Instituto de Pesquisas Ecológicas – IPÊ.

Apenas vejo um problema na campanha que não ensina as criaças a darem um destino melhor às embalagens de Danoninho. Depois que usarem para plantar elas podem reciclar as embalagens  ou transformar em um brinquedo, por exemplo.

Vejam abaixo os videos da campanha.

Video para as mães.

Video para as crianças.

Fonte:

http://www.danoninho.com.br/florestadodino/

http://blog.ambientebrasil.com.br/?p=1802

Comentários (4)

HUB190610_5

Tags:

Resumo: Curso de Design de Embalagens Sustentáveis do idds

Postado em 10 julho 2010 por Elisa Quartim

Entre os dias 17 e 19 de junho aconteceu o curso Design de Embalagem Sustentável do idds.

As informações foram apresentadas de forma agradável e dinâmica. Os dois primeiros dias foram mais teóricos com dinãmicas em grupo, apresentado cases atuais, abrindo espaço para discussões em um ambiente descontraido.

Já o último dia foi mais prático. Visitamos a cooperativa de reciclagem Coopere Centro.

Ponto alto do curso, a visita sempre impressiona, e faz com que todos coloque o pé no chão e vejam a realidade da reciclagem em São Paulo realmente como ela é.

Impressiona a quantidade de embalagens coletadas onde a maior parte não é aproveitada.

A foto acima mostra o fim da esteira elétrica. Boa parte do material vira resíduo e vai para os aterros em São Paulo.

No final nos reunimos para falar sobre o que vimos e propor novas ideias para desenvolver embalagens melhores.

Conheçam a cooperativa Coopere Centro
http://daed.com.br/comercionet/index.php?option=com_frontpage&Itemid=1

Outros cursos do idds
http://www.idds.com.br/

Comentários (1)

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também