Archive | junho, 2010

ecobag-Walter-Rodrigues

Tags: , ,

Projeto Contém Design

Postado em 30 junho 2010 por Elisa Quartim

Projeto concebido pela Assintecal, ApexBrasil e Associação Objeto Brasil com o objetivo de agregar valor às embalagens de calçados, transformando-as em mais um elemento de valorização do produto. Os produtos foram desenvolvidos com exclusividade para cada uma das empresas participantes, todas fabricantes de embalagens – Arte Embalagens, Box Print, Brisa e Colorgraf – e respondem a desafios específicos das estratégias de mercado de seus clientes da indústria de calçados.

Norteada pela busca incessante de inovação em todos os processos da cadeia coureiro-calçadista, a Assintecal decidiu apostar no Projeto para direcionar as fabricantes de embalagens do setor para uma perspectiva voltada ao design e inovação. O foco: transformar a tradicional caixa de sapatos num objeto diferenciado e atraente para oferecer aos consumidores, incluindo opções como pós-uso, facilidades de armazenamento, sustentabilidade, entre outras.

O intuito da iniciativa foi contribuir para a reflexão por parte dos empresários do setor calçadista sobre a importância da incorporação de design à embalagem do produto como diferencial competitivo.

O Projeto conduziu a elaboração de um programa de design para empresas fabricantes de embalagens para calçados, levando aos participantes não apenas um produto-final, como também contatos e novidades sobre o mercado de design brasileiro.

Os designers visitaram as empresas, conhecendo de perto a realidade de cada uma delas, seus processos de produção, materiais utilizados, etc., visando modelos exclusivos de embalagens

Habituada a oferecer soluções para o segmento varejista, a Arte Embalagens aproveitou o Projeto para promover um redirecionamento: desenvolver embalagens para atender a indústria calçadista.

Na primeira reunião com a Benchmark, agência de design que desenvolveu duas propostas, o diretor da Arte Embalagens deixou claro seu anseio pelo uso de elementos diferenciais de design e na escolha de matérias-primas em compasso com a sustentabilidade.

Kraft Bombom

O modelo utiliza papel Kraft, um material reciclado e reciclável, num formato inusitado. O objetivo foi desenvolver uma embalagem ou sistema de embalagem para calçados, trazendo o conceito ecológico e de design diferenciado.

EcoBag Walter Rodrigues

A segunda proposta contempla itens como funcionalidade, sofisticação, sustentabilidade e custo. A agência utilizou o material da Arte Gráfica de outra maneira, colocando o tecido, o ecobag, feito de algodão cru, papel kraft natural, sem uso de corantes ou cloro, produzido a partir de florestas plantadas, apenas sobre a área central do papel. A cola e as tintas usadas são à base de água, a alça e a linha são de algodão. O acabamento inclui aplicação de ilhoses e velcro para fechamento.

O primeiro protótipo da Sacola EcoBag levará o nome da grife Walter Rodrigues, sinônimo de luxo, tanto em passarelas nacionais como internacionais.

Ambas as embalagens são de fácil produção, podem ser expostos em vitrines e também funcionam como display. Além disso, protegem o produto durante o transporte e armazenamento, enquanto no ponto de venda expõem a marca.

Fonte:

http://www.bench.com.br

Comentários (3)

tampa-Child-Proof1

Tags: , , ,

Tampa Child Proof

Postado em 21 junho 2010 por Elisa Quartim

O objetivo foi desenvolver um sistema à prova de crianças que pudesse ser  amplamente usado, principalmente em países em desenvolvimento e do terceiro mundo, onde as legislações não são tão rigorosas com embalagens que contenham produtos tóxicos, ser um sistema barato para poder ter vasta utilização e gerar um menor impacto ambiental, principalmente ao efeito estufa.

A Clever Pack estudou as duas tampas à prova de crianças mais utilizadas mundialmente e perceberam que elas são pesadas, em grande parte produzidas com duas peças, com um gasto extra de energia para montagem.

Assim, desenvolveram uma tampa leve de apenas uma peça, sem necessidade de montagem extra, resultando em uma peça segura, mais barata, gerando um menor impacto ambiental, além de mais prática para os idosos.

A tampa pode ser produzida em 100% de material reciclado, porém o usual é de 30%. Reduz em média 40% de matéria-prima utilizada pelo sistemas utuais e, pelo fato de ser produzido de apenas um material, é de fácil reciclagem (não há necessidade do processo de separação de matérias)

Fonte: http://www.cleverpack.com.br/

Comentários (1)

Gaia

Tags: ,

Projeto Gaia – Whirlpool

Postado em 18 junho 2010 por Elisa Quartim

Prover uma solução ecologicamente correta para as embalagens de produtos entregues no sistema de comercialização porta-a-porta, promover uma logística reversa, resgatar a cidadania em parceria com uma organização não-governamental e aumentar a percepção do consumidor sobre a importância das questões ambientais.

Estes são os objetivos do Projeto Gaia, um dos principais programas de responsabilidade ambiental adotado pela Whirlpool. Implantado em junho de 2003, inicialmente na região da Grande São Paulo e na Baixada Santista, o Projeto conta com uma frota sub-contratada de veículos dedicada à entrega e recolhimento de embalagens nestas regiões.

Durante os anos de 2004 e 2005, o projeto recolheu 24,40 toneladas. Em 2006, foram recolhidas 12,34 toneladas até o mês de setembro. Em 2007, a meta, que era recolher 40% de todas as embalagens de produtos vendidos durante o ano, foi batida com 47,91%, colaborando para minimizar o processo de esgotamento dos aterros sanitários e a disposição de resíduos em lixões. Desde a implantação do projeto, a empresa já captou mais de 70 toneladas de material.

A Whirlpool acredita que a reintegração do material devolvido ao processo produtivo, por meio da reciclagem e reutilização, é fundamental para a Sustentabilidade, pois promove a preservação dos recursos naturais e a inclusão social. Dessa forma, as embalagens doadas são reutilizadas das seguintes formas:

  • empresas que reutilizam o poliestireno expandido (EPS) na confecção de blocos para a construção civil;
  • projetos de integração ambiental na comunidade;
  • empresas de reciclagem;
  • doações para a organização não-governamental SuperEco;
  • embalagem de produtos da própria Whirlpool no processo de transferência entre suas Unidades produtivas.

http://www.whirlpool.com.br/site/p/responsabilidade-social/meio-ambiente/projeto-gaia

Comentários (1)

eBar-display

Tags: ,

eBar – Barrinha de frutas

Postado em 16 junho 2010 por Elisa Quartim

eBar são barrinhas de frutas que caracteriza-se por sua origem única e pela união de frutas saudáveis numa barrinha com cereais.

A preocupação com a saúde do corpo e do meio ambiente ecoa por toda comunicação da linha de produtos, começando pelo nome eBar.

A embalagem é feita em papel reciclado e o filme da barrinha é biodegradável.  A caixa e o filme oferecem a proteção necessária para o produto. Diferente da maioria das barrinhas que utiliza filme metalizado, dificultando muito a sua reciclagem.

As barrinhas são distribuídas em caixas-display que servem para transporte e exposição, não necessitando de outra embalagem.

Fonte: http://www.biobrasilproducts.com.br

Comentários (3)

banco-sustentavel-abre325x1

Tags: , , ,

Banco Imobiliário Sustentável

Postado em 14 junho 2010 por Elisa Quartim

A petroquímica Braskem e a fabricante de brinquedos Estrela anunciam parceria de longo prazo para desenvolver produtos com polietileno ‘verde’, feito de matéria-prima 100% renovável. O primeiro produto dessa parceria é o Banco Imobiliário Sustentável, versão ecologicamente correta do jogo.

A embalagem foi produzida em papel reciclado e eliminaram o uso de filme plástico para a proteção da caixa. Sua tampa traz todo o conceito de reciclagem e sustentabilidade de forma clean e moderna.

As peças foram feitas com o “plástico verde”, um material feito à base da cana-de-açúcar desenvolvido pela petroquímica Braskem, feito com matérias-primas 100% renováveis.

A dinâmica do jogo está ligada ao tema da sustentabilidade. Em vez de bairros e ruas importantes, as casas do tabuleiro são reservas naturais como Pantanal, Rio São Francisco, Chapada dos Veadeiros, Serra da Mantiqueira e locais de produção de cana de açúcar, como Ribeirão Preto, Três Lagoas (MS) e Teotônio Vilela (AL).

As companhias de transporte foram substituídas por empresas como Companhia de Reciclagem Energética, Companhia de Reflorestamento, de Agricultura Orgânica, de Reciclagem Mecânica. As cartas de Sorte ou Revés também são temáticas. O jogador pode sofrer reveses como “sua empresa foi multada por poluir demais”, ou sorte como “você protegeu suas terras do desmatamento e faturou com o turismo ecológico”.

Fonte: http://ccsp.com.br/ultimas/noticia.php?id=32211

Design: http://www.3designvisual.com.br

Comentários (1)

A Perfume Organic

Tags: , ,

Perfume orgânico com embalagem de papel semente

Postado em 05 junho 2010 por Elisa Quartim

A Perfume Organic é um perfume que além de ser produzido com produtos orgânicos, a caixa do perfume é feita com papel de sementes de flores que pode ser plantado. Todas as embalagens são recicláveis e foram produzidas com o mínimo de material necessário.
Produzido em Manhatan, Nova Iorque. Todos os materiais foram adquiridos de empresas locais

Fonte:

http://aperfumeorganic.com/sustainability

Comentários (2)

kegless-3

Kegless – Embalagem bag-in-box de cerveja

Postado em 01 junho 2010 por Elisa Quartim

O designer Australiano Tom Hussey criou a embalagem Kegless é um conceito de  “bag-in-box” para bebidas carbonatadas (CO2) que fornece uma alternativa ao convencional servir única pacotes. O design simples e básico permite uma produção de baixo custo e solução de distribuição, com redução dos impactos ambientais ao longo do seu ciclo de vida.

O design dobrável de Kegless elimina a necessidade de complexos sistemas de dióxido de carbono, que limitam o sucesso de outras embalagens de grande volume.

Um embalagem dobrável única que resolve a questão da pressão de CO2, mantendo a cerveja fresca por até um mês.

Uma ótima solução para quem bebe pouca cerveja e ela estraga antes de acabar.Ou para quem mora longe dos grandes centros de distribuição de cerveja em vidro. Como essa embalagem, é possível transportar mais líquido por caminhão.

Porém, na maioria dos casos ainda sou a favor das garrafas retornáveis, pois não geram nenhum resíduo e são as melhores embalagens para proteger a cerveja.

Fonte:

http://www.pixel2.com.br/blog/2010/05/02/embalagem-sustentavel-de-cerveja/

http://tomhussey.net/kegless1.html

Comentários (1)

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também