Foco na sustentabilidade em 2010

Postado em 04 janeiro 2010 por Elisa Quartim

Inovação e sustentabilidade serão os principais temas discutidos no desenvolvimento de embalagens neste ano de 2010. Não será mais visto como um diferencial ou algo para poder aumentar o preço do produto, e sim como itens básicos do seu desenvolvimento, assim como hoje já é a ergonomia, funcionalidade e proteção.

Há boas razões para acreditar nisso. No ano de 2009 muitas empresas anunciaram inovações neste sentido e a oferta local tem aumentado.

Uma dessas iniciativas é o fornecimento pela Cargill, do Ingeo, de um biopolímero (ácido polilático, ou PLA) fabricado a partir do milho nos Estados Unido, e a alternativa de fonte renovável ao plástico mais utilizada mundo afora na confecção de embalagens “verdes”. O resultado disso foi a adoção desse material nos potes de margarina Cyclus Nutrycell. Vejam o post aqui. Introduzidas inicialmente em pequena escala, essas embalagens já são utilizadas em toda a produção das margarinas da Bunge.

Outras opções biopolímeros poderão ser viabilizadas no próximo ano. A Braskem irá inaugurar sua fábrica de polietileno “verde”, obtida do etanol de cana-de-açúcar, em Triunfo (RS), no fim de 2010. Acordos já estão sendo fechados para a utilização desse material. Johnson & Johnson e Tetra Pak estão entre as empresas que já acertaram contratos desse gênero

A Bimbo em 2009 lançou uma linha de pães com embalagens plásticas oxi-biodegradáveis – formuladas com um aditivo que as faz se desintegrar rapidamente após o descarte, e deixa no ar, também, a possibilidade de novos lançamentos

Na área de garrafas um evento que poderá causar impacto no mercado de bebidas será a introdução de uma nova família de garrafas plásticas da Coca-Cola produzidas parcialmente com etanol de cana (veja post). E a Saint-Gobain, iniciará a fabricação de uma nova linha de garrafas de vidro para vinhos mais leves.

Além desses novos materiais, novos projetos onde os três Rs são colocados no briefing  como Reduzir, Reutilizar e Reciclar. procurando utilizar os materiais disponíveis no mercado de uma forma melhor e com um menor impcato na natureza. As empresas começam a perceber que com pequenas mudanças já começam a andar em direção à sustentabilidade gerando economia na sua produção.

Fonte:

http://www.embalagemmarca.com.br/

http://www.braskem.com.br/plasticoverde/principal.html

Deixe uma resposta

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também