Archive | dezembro, 2008

p7logoblack

Tags: , ,

Project 7 – Ajuda as àreas mais críticas do planeta.

Postado em 23 dezembro 2008 por Elisa Quartim

p7green

Project 7 é uma empresa apaixonada pelas mudanças sociais e se dedica à resolução das sete áreas mais críticas de necessidade no mundo de hoje, tal como determinado pelo Project 7 – (Build) Construir o Futuro, (Feed) Alimentar os Famintos, (Heal) Curar os Doentes, (Help) Ajudar Necessitados , (Hope) Esperança para a Paz, (House) Casa Abrigo, e  (Save) salvar o planeta.

A meta da empresa é trazer ao mercado produtos do cotidiano – o primeiro deles é a água engarrafada – que os consumidores podem facilmente adquirir, a fim de mudar as sete áreas críticas do mundo.

Projecto 7 utiliza mais de 50% dos seus lucros para criar um pseudo-fundação. Depois de adquirir um produto, o consumidor está habilitado a votar a favor de uma organização que serve à um dos sete objectivos. No seu projeto de design, o Projeto 7  e 29 Agency criaram essencialmente uma forma interativa e transparente para o consumidor se considerar parte interessada na sociedade em geral.

Por ser um projeto socialmente responsável  29 Agency procurou maneiras de manter a integridade em todos os materiais utilizados para embalagem. A garrafas de água são 100% de PET reciclável  e etiquetas impressas com tintas à base de água. Os rótulos são feitos a partir de 40% pós-consumo de material reciclado. A água é transportadaem caixas feitas de material reciclado. Isto permite transportar a mesma quantidade de água em quatro caminhões que tradicionalmente é em cinco – economizando energia e materiais de consumo em uma média de mais de 25%.

p7waterbox

Finalmente, para resolver o paradoxo da venda de garrafas plásticas para promover a administração ambiental, Project 7 criou uma linha de roupas feitas de 50% RPET (PET reciclado) e 50% algodão biológico. Em média, cinco garrafas PET são recicladas por camiseta e impressas com tintas eco-friendly.

p7logoblack

As balas Daily Candy, além de saudáveis, são feitas com materiais recicláveis, e as tintas são 40% feitas à base de soja produzidas nos EUA para reduzir a exportação de resíduos e apoiar a produção interna. Ainda mais doa metade de seus lucros para organizações designadas para cada sabor: menta fresca terra apoia iniciativas eco-friendly , hortelã baunilha para grupos contra a fome, manga e hortelã ajuda os sem teto.

p7gum

http://www.project7.com/

http://www.29agency.com/

http://www.thedieline.com/

Comentários (0)

natal-reciclado3

Tags: , , , ,

Natal Sustentável

Postado em 23 dezembro 2008 por Elisa Quartim

O Natal, nos últimos anos acabou se transformando no dia mundial do consumo e desperdício. Muitos esqueceram os reais valores do Natal. Data para comemorar o nascimento de Jesus reunindo a família em sua homenagem. Trocas de presentes deveriam ser apenas símbolos dessa união e integração das pessoas, mas acabou se transformando no principal do Natal.

Por isso, que tal retomar os valores do natal, resgatando esse valores de fraternidade e amor, e agora de uma forma mais sustentável.

Algumas dicas para um Natal mais sustentável:

COMPRANDO PRESENTES

* Analise as suas compras. Assim você evita desperdício.
* Faça uma lista antes de sair de casa. Coloque os nomes de quem você vai presentear e, ao lado, o tipo de presente que a pessoa gostaria de ganhar. Depois, analise cada opção e escolha o que for ambientalmente correto.
* Para selecionar um presente ambientalmente amigável, verifique a matéria prima usada para produzi-lo. O produto não deve conter substância perigosa para a saúde, ou componentes retirados de espécies ameaçadas, como mogno.
* Outro ponto é o método da produção. Só aceite produtos cuja elaboração não usou de crueldade para com animais. Também pense nas pessoas. Não compre, se a fabricação do objeto abusou da mão de obra infantil ou feriu os direitos trabalhistas.
* Dê preferência a produtos artesanais.
* Avalie quem está vendendo. Adquirindo produtos de uma entidade ecológica, por exemplo, você beneficia projetos ambientais por ela desenvolvidos.
* Agora, analise como o presente será usado. Por exemplo, criança gosta de brinquedo. Escolha um que não precisa de pilhas. Assim você incentiva a criatividade e a coordenação motora. E pilha polui o ambiente, durante e depois da fabricação.
* Eletrodomésticos devem ter um selo informando o consumo de eletricidade. Se esta for sua opção de presente, aproveite para comprar um produto que gasta menos energia. É bom para o bolso de quem ganha e para o ambiente.
* Embalagem é bonita, mas pode gerar montanhas de lixo, na forma de papel de presente e fitas. Se o pacote não puder ser reutilizado, esqueça. É dinheiro que vira poluição.
* Faça embalagens com material reciclado. Pode ser com embalagens usadas, ou restos de outros presentes que ganhou.

Flávio Marconato, da loja Secreta Saudade, ensina a fazer embrulhos criativos para os seus presentes de Natal

http://revistacasaejardim.globo.com/Casaejardim/0,25928,EJE1693341-4245,00.html

FAÇA PRESENTES

* Você não precisa comprar. Pode fabricar seus presentes. Que tal preparar uma receita culinária por exemplo reaproveitando folhas e talos de hortaliças num exclusivo suflê para a ceia dos amigos? Biscoitos e docinhos também fazem o maior sucesso.
* Suas plantas se reproduziram muito na primavera? Faça novos vasos bem caprichado para presentear os amigos. Custa pouco além de ser presente simpático e duradouro.
* Outra boa ideia é inventar seu próprio cartão. Por que não fazer uma colagem com folhas secas? O charme fica ainda maior se a base for papel reciclado.
* E como a natureza é a forma mais barata e sincera de presentear, olhe à sua volta. Que tal usar flores e folhas secas para compor um belo quadro? Com uma moldura simples, você terá um presente bem seu.

ÁRVORE DE NATAL

* Não sacrifique um pinheiro vivo para enfeitar seu lar. Escolha árvore com raiz, se puder replantar depois.
* Outra ideia é colocar enfeites natalinos nas plantas de sua casa. Pode ficar lindo!
* Também dá para usar bolas e fitas coloridas, num arranjo que aproveite galhos já caídos, para compor uma árvore estilizada decorando sua sala.
* Use sua criatividade e crie enfeites com embalagens usadas. Vejam os exemplos abaixo:
natal-reciclado2

Decoração de Natal em Campos de Jordão com garrafa PET. Dentro tem lâmpadas que iluminam à noite.

natal-reciclado3

Árvore de Natal feita com latas de alumínio pintadas – exposta no Natal do Banco Real, Av Paulista – SP

Fonte: http://www.flickr.com/groups/reciclarte/discuss/72157603495222765/

CEIA ECOLÓGICA

* Evite os enlatados e alimentos com embalagem demais. Prefira os produtos a granel, que são mais frescos e mais baratos.
* Não se esqueça de levar sua sacola quando for às compras, para evitar aquele monte de plástico que as lojas oferecem para guardar suas compras.
* Se o produto industrializado é essencial para a ceia, não arrisque a saúde dos que participarem dela. Ao comprar, verifique o prazo de validade do produto. E só adquira, se estiver exposto em local adequado para a sua conservação.
* Escolha frutas e verduras da região, pois quanto mais longe, mais emissão de CO2 ocorreu no caminho. Evite os importados.
* Diminua ou evite o consumo de carnes, pois a produção de carnes é um dos maiores motivos  do desmatamento das florestas. Crie uma nova tradição servindo alimentos saudáveis.
* Não use copos ou talheres descartáveis em sua festa. Também recuse toalhas e guardanapos descartáveis. Podem parecer práticos, mas poluem o meio ambiente.
* Dica final: papel toalha e guardanapos fazem parte daqueles papeis que, na fabricação, foram alvejados com cloro. Cloro libera dioxina na atmosfera, que é um gás cancerígeno. Recupere os hábitos que serviram a seus pais e avós. Use guardanapos e toalhas de pano. Além de tudo, são mais chiques!

OS 3 Rs NO NATAL

* Ao ganhar um presente, não rasgue o pacote. Abra cuidadosamente e separe a embalagem. Procure reutilizá-la. Por exemplo, um belo papel pode servir para encapar um livro. Uma caixa pode ser usada para guardar objetos.
* Se não der para reutilizar a embalagem do presente que ganhou, faça a separação. Num monte, junte os papéis. Em outro, coloque os plásticos. Num terceiro, deixe o que for vidro e o que for metal. Depois, encaminhe estes materiais para quem recicla. E lembre-se que aqueles saquinhos metalizados  não são recicláveis.
* Mas o melhor mesmo, é evitar desperdício. Recuse embalagem que não seja reutilizável, na hora de comprar o presente. E aproveite para, antes da festa, discutir e divulgar esta idéia com quem for participar. Afinal, não desperdiçar pode ser o maior presente de Natal para o meio ambiente.

(fonte dicas: RedeAIPA)

Comentários (19)

svegro-packaging4

Produção local merece design mundial e sustentável

Postado em 22 dezembro 2008 por Elisa Quartim

svegro-packaging12

svegro-packaging2

svegro-packaging3

svegro-packaging4

Estas embalagens de Svegro, além de serem feitas de material reciclável, ela tem como objetivo inspirar as pessoas a consumir alimentos cultivados localmente.

Faz com que o consumidor fique consciente das plantas à sua volta, cuidando e utilizando no futuro.

As embalagens, pelo seu material e beleza, estimulam a reutilização das embalagens .

http://www.igreenspot.com/

http://www.amore.se/

Comentários (0)

paintainer

Tags: ,

Plástico – alternativa sustentável?!!

Postado em 18 dezembro 2008 por Elisa Quartim

Muito se discute sobre o plástico, por ser de uma fonte não renovável, porém se analizarmos todo o ciclo de vida da embalagem, observamos que plástico tem suas vantagens.

O vidro, por exemplo, consome muita energia para ser produzido e emite 2,5 vezes mais CO2. E o plástico permite um empilhamento muito maior, transportando mais produtos por vez e emitindo menos CO2.

É um material leve, mais resistente e oferece uma grande variedade de formas e cores para novos projetos de design.

ice-fruits

Uma das empresas que mudou de metal para o plástico foi a francesa Un Air d’Ici, fabricante de Ice Fruits. Com essa mudança houve uma redução de peso de mais de 30% e uma melhoria na capacidade de armazenamento.

paintainer

A embalagem de tinta Paintainer de Superfos é um bom exemplo das vantagens do plástico. A embalagem de plástico oferece às embalagens de tinta vantagens funcionais comparado com o metal, como uma maior flexibilidade, sistemas de fechamento e abertura mais fáceis de usar, maior capacidade de empilhamento e nenhum risco de contaminação por oxidação.

Vantagens do plástico:

• Herméticos à líquidos
• Inquebráveis
• Leve
• Fácil de abrir e fechar de novo
• Adequado para microondas, lava-louças e frigorífico
• Alta segurança do produto
• Alta barreira contra o Oxigênio
• Nitidez na impressão
• Adequado para conteúdos quentes conteúdos e sistemas de autoclave
• Possibilidades de conformação
• Ausência de ruído nas linhas de enchimento
• Segurança no transporte e empilhamento
• Excelente transparência que permite a visibilidade do produto

Fonte: http://www.envapack.com/envases_empaques1224.html

Comentários (0)

jp_ovo

Tags: , , , ,

Dica japonesa de redução de embalagem

Postado em 16 dezembro 2008 por Elisa Quartim

O design japonês de embalagens sempre se destacou em sua simplicidade e requinte nos detalhes.

No site japonês PingMag nos dá algumas dicas e exemplos de como reduzir material nas embalagens.

jp_tofujp_tofu2

Vejam o exemplo o exemplo acima. Com uma embalagem plástica, parecendo uma bixiga, tem muito menos plástica e sua flexibilidae serve para acondicionar tofu ou pudim.

Veja mais em http://www.bocca.co.jp/purin/

Algumas das dicas passadas por eles:

Incentivar a reciclagem

jp_reciclagem

Illustrações mostrando e incentivando como preparar a embalagem para uma melhor reciclagem.

Serviços que facilitam a reutilização

jp_reuso

Essa é uma garrafa de água, com design questionável, que pode ser levada de volta para a loja e enxer de novo com água de graça.

Matérias primas renováveis e biodegradáveis.

jp_natureworks

Embalagens produzidas com resinas da Terramac e produzidas por Unitika usando um bio-polímero desenvolvido por Nature Works, que são normalmente produzidas com milho, mas que já é possível ser produzido com resíduos agrícolas, como de arroz e farinha.

Trocar o plástico pelo papel

jp_cup-noodle

Como a embalagem de Cup Noodle, típico fast food japonês.

Dar emoção às “Eco Bags”

jp_ecobag

Fazer com que as pessoas tenham vontade de cada vez mais usar as ecobags deixando elas mais bonitas, como esta feita com banners reciclados.

Ir além do visual

jp_presente

Aproveitar materiais não tão “nobres” ou visualmente não tão “bonitos” de uma forma que fique bonito, como esta embalagem para brinde.

Rever as estruturas do espaço exterior

jp_estrutura

Rever estruturas de embalagem para diminuir a quantidade de material. Como esta lata com textura concava e e convexa. Além de adicionar uma sensação tátil à embalagem, faz com que ela se sustente com menos material.

Reduzir material redirecionando a percepção

jp_gargaleira

Como essa gargaleira, que à primeira vista parece uma comunicação mais promocional mas depois vemos que ela acondiciona o produto principal que são as ervas, que quando misturadas à garrafa de água se tranforma no produto que eles chama de água de ervas..;Como é misturado na hora, não há necessidade de adicionar concervantes e outros químicos ao produto.

Valorizar as embalagens naturais

jp_ovo

Como esta embalagem de doce à base de ovo. Ela reaproveita a casca natural do ovo (tão perfeita criada pela natureza) para valorizar o produto mostrando seu ingrediente principal.

http://pingmag.jp/2008/07/18/japanese-design-7-how-to-reduce-packaging/


Comentários (6)

barcode31

Tags: ,

Código de barras ecológico

Postado em 15 dezembro 2008 por Elisa Quartim

barcode31

Uma das dificuldades da embalagem sustentável ou dos produtos mais sustentáveis é como divulgar isso para o consumidor sem encher a embalagem de selos, poluindo a embalagem.

E Ecover, empresa de produtos de limpeza orgânicos encomendou ao escritório de design japonês D-Barcode um código de barras personalizado.

Delicado, acrescenta a informação de ser amigo da natureza, utilizando o código de barras que tem que ter na embalagem.

Além disso todas as embalagens são de fáceis de reciclar.

Vejam outros códigos de barras criativos em http://www.darkroastedblend.com/2008/04/japanese-creative-barcodes.html

Comentários (0)

ecoist3

Tags: , ,

Objetos feitos de embalagem reciclada

Postado em 12 dezembro 2008 por Elisa Quartim

ecoist3

ecoist2

ecoist

Bolsas e objetos feitos com embalagens.

Fica bonito e é um forma de reciclagem.

Dica do Blog My Pix http://mypix.terra.com.br/blog/2008/12/11/reciclo-geral/

Venda no site http://www.ecoist.com

Comentários (0)

pangea0

Tags: , , ,

Embalagem-semente

Postado em 09 dezembro 2008 por Elisa Quartim

pangea2

pangea0

Depois de ter descoberto o papel semente finalmente vi que já estão usando para embalagem.

A Pangea Organics lançou um kit especial de Natal, onde a embalagem de fibra moldada pode ser plantada e se transforma em uma linda árvore de Natal. Basta deixar de molho por 24 horas e depois plantar à luz do sol.

Eles já tinham um outro kit onde nascia manjericão, e agora, depois de 2 anos de estudo, desenvolveram para se transformar em árvore.

Eles esperam que se todos plantarem a sua embalagem este ano, nos próximos anos as pessoas não vão mais precisar trazer árvores de locais distantes, gastando assim menos no transporte.

http://www.pangeaorganics.com/

Comentários (0)

Caixa luminária

Tags: , ,

Embalagem-Luminária

Postado em 09 dezembro 2008 por Elisa Quartim

wine_case_lamp_2

wine_case_lamp_5

wine_case_lamp_7

wine_case_lamp_9

wine_case_lamp_111

Um brinde de Natal encomendado pelo Grupo Hera (empresa de gerenciamento e consultoria de resíduos) para o escritório de design espanhol Ciclos.

É uma embalagem para vinho, que se transforma em luminária e é reciclável.
A embalagem vem com a lâmpada e o plug em um compartimento em baixo da embalagem.

Uma ótima forma de aumentar o ciclo de vida de uma embalagem.
Um grande desafio para os brindes de final de ano, ser durável para que seu cliente sempre lembre de você e para ser mais sustentável.

O projeto da embalagem foi desenvolvido pela Ciclus, uma empresa localizada em Barcelona e dirigida pela brasileira Tatiana Guimarães, radicada há 10 anos.

http://www.ciclus.com/

Comentários (2)

Advertise Here

Assine

Insira seu endereço de email nos campos abaixo:
Newsletter Embalagem Sustentável

 
Receba atualizações do site via FeedBurner

Grupo EmbalagemSustentavel
Nossa lista de discussão no Yahoo!
* Embalagem Sustentável é contra spam

Veja também